Notícias

INTERSIND realiza Seminário NR12

INTERSIND realiza Seminário NR12

 

Evento realizado entre os dias 17 e 19 de agosto, recebeu cerca de 600 participantes, entre empresários, trabalhadores e autoridades do Ministério do Trabalho

 Por Ludmila Oliveira


O Sindicato Intermunicipal das Indústrias do Mobiliário de Ubá - Intersind, em parceria com a Fiemg, Sesi/Senai, Sebrae e Ministério do Trabalho realizou o Seminário NR12 – Estudos Técnicos e Prevenção de acidentes – “A prevenção é o melhor remédio”, na nova sede do sindicato, no Horto Florestal.

O evento que teve o objetivo de proporcionar aos trabalhadores e empresários um encontro para discussão e capacitação quanto as adequações do setor produtivo para atendimento das normas regulamentadoras contou com a participação do Superintendente Regional do Trabalho em Minas Gerais, João Carlos Gontijo de Amorim, do  Desembargador do Tribunal Regional do Trabalho, Manoel Barbosa da Silva, com o tema “Acidente do Trabalho: Prevenção e responsabilidade” e dos palestrantes Eduardo Vidal, coordenador Sesi Indústria Segura,  com a palestra “Impactos do eSocial na gestão de SST”, Daniel Rocha, projetista industrial Sistema Fiemg, falando sobre os estudos dos requisitos essenciais na adequação de máquinas operatrizes, Antônio Carlos Ribeiro Filho, médico do Trabalho e auditor fiscal do Ministério do Trabalho, abordando a importância de aplicação de métodos e procedimentos adequados na realização de exames, Clóvis Veloso de Queiroz, advogado e consultor, com a palestra “ NR12 no setor moveleiro e o estado atual das Normas Regulamentadoras e Evandro Albuquerque com a palestra “ A ótica (e o som) da ética – Como pensar as relações interpessoais a partir do cancioneiro popular. Além das palestras, o Seminário NR12 também contou com apresentação do Sesi em cena.

Para o presidente do Intersind, Aureo Calçado Barbosa, o Seminário aconteceu em uma hora oportuna, servindo para demonstrar a preocupação dos empresários com a prevenção dentro das empresas. “Ficou plenamente elucidado que a responsabilidade é bilateral, a empresa deve prover equipamentos e proteção, deve fazer adequação técnica de segurança nas máquinas em conformidade com os requisitos da NR12, mas deixou claro também que o trabalhador tem sua responsabilidade quanto ao cumprimento das recomendações técnicas de operação das máquinas, bem com do uso adequado dos equipamentos de segurança que lhes são oferecidos”, destaca o presidente do sindicato.

O coordenador do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador, Thiago Antunes, destacou a importância de debater a qualidade de vida no ambiente de trabalho. “Fiquei encantado com a organização, a seleção dos temas abordados e a condução do evento. Os profissionais e o empresariado puderam enxergar a importância da promoção da qualidade de vida dentro do ambiente laboral. Esse Seminário evidenciou que essa qualidade deve estender ao ambiente de trabalho em que os colaboradores das indústrias estão inseridos”, afirma.

 

Veja Também